Diário de Bordo – A caminho do Worlds 13

Olá Pessoal! Sou Gabriel Semedo e aqui eu apresento um novo quadro no Battlecity! Farei uma espécie de Diário, registrando todas minhas experiências, treinos, testes, estudos e preparação para o campeonato mundial de Pokémon de 2013, o qual estou classificado para participar e irei representar nosso país, em agosto, lá em Vancouver, no Canadá. A cada semana farei um post com todas as experiências que absorvi na semana, dos decks e techs mais malucos até as principais estratégias do metagame atual.

Gostaria de me apresentar primeiramente:

Gabriel Semedo – 24 anos – Categoria Master (1995 em diante)
Comecei a jogar Pokémon em 2011 (2 anos de carreira)

Principais conquistas em torneios oficiais:

trofeu_joinha014

  • 1x  Campeão Regional
  • 1x Vice Campeão Regional
  • 2x Campeão City Championship
  • Top32 Nacional 2013

Possuo 402 Championships Points (CP’s) na temporada 2012/2013.
Para se classificar para o mundial são necessários 200 CP’s. Esses pontos são obtidos por meio das colocações conquistadas nos torneios oficiais.

Então para começar,  vou relatar minha primeira semana de treinos para o mundial.

Semana #1 – Darkrai/Absol  

Quase uma semana após o campeonato nacional, estava muito cansado de começar novamente uma bateria de treinos, então decidi começar pelo caminho mais curto, Darkrai/Absol, já que tinha jogado o Nacional de Darkrai/Bouffalant e já estava “aquecido” com o deck,  apenas substitui Bouffalant por Absol.

Image

Estava curioso para testar o Absol. Ele na teoria se encaixa perfeito, era justamente o que faltava para o deck de Darkrai ficar completo, rápido, forte, consistente e versátil.

Fala sério, um pokemon Dark, que aceita Dark Pach, básico, não EX, que pode chegar a bater incríveis 140 de dano (com dark claw), combando com Hypnotoxic 170 (morte de pokémons EX como Deoxy, Mewtwo e Rayquaza) com apenas duas energias!!! O deck de Darkrai que já era fortíssimo ganha agora a última peça que faltava para se tornar definitivamente o deck mais completo do formato. Talvez não seja o deck mais forte, mas com certeza é o deck mais completo e versátil que conheço atualmente, ou seja, se aprender a dominar BEM este deck, você terá um deck com poder de fogo suficiente para duelar com qualquer deck que aparecer em sua frente.

Torneio semanal – sábado Comics

VS Darkrai/Bouffalant/Mewtwo – Vitória
VS Accelgor/Mew/Crobat – Vitória
VS Garbodor/LMT – Vitória
VS Quad Snorlax – Vitória

TOTAL: 4-0

HIGHLIGHTS:

VS Darkrai/Bouffalant/Mewtwo – Vitória
Absol não fez muita diferença assim, pois o banco do oponete estava sempre com 2 ou 3 pokémons apenas, o dano do Absol fica em torno de 60~80, e acaba valendo mais a pena bater de Darkrai EX, inclusive pelos  “30” jogados no banco, que fazem muita diferença numa “mirror”.

VS Quad Snorlax – Vitória

11008snorlax_5533 Esse deck é muito divertido e diferente. Parece que ele fez sucesso em algum torneio lá no exterior e ai já chegou na boca dos brasileiros. Basicamente, a ideia do deck é travar o oponente com Hypnotoxic Laser e impedir o oponente de Recuar, graças a Ability do Snorlax, que impede o recuo do Pokémon defensor (ainda permite o recuo por cartas trainers, como switch e escape rope). Cartas como a supporter Shadow Triad, que resgata uma carta Team Plasma qualquer do descarte para a mão e Recycle, que volta qualquer carta do descarte para o topo do deck  (se caso a moeda de cara), ajudam a voltar os lasers, fazendo com que o deck possa usar uns oito lasers no jogo todo.

 

Torneio semanal Domingo KYO (Jogos Melhor de 3)

VS Weavile/Exeggute – Vitória (2×0)
VS Mewtwo EX/Cobalion NVI – Vitória (2×0)
VS Garbodor/LMT – Vitória (2×0)

TOTAL: 3-0

HIGHLIGHTS:

VS Weavile/Exeggute – Vitória (2×0)
Esse deck era novidade pra mim. Achei interessante o altíssimo dano que o Weavile pode bater, com poucas energias e por ser um Pokémon não EX. Gosto de decks que usem o menos de Pokémons EX possível e gosto também de decks de evolução. No formato atual o jogo roda em torno de pokémons EX.. e as evoluções (principalmente os stage1) perdem muita força.

CONCLUSÃO:

De acordo com o resultado nos torneios, o deck é muito bom e o Absol realmente joga muito bem no deck, não tanto quanto imaginava, mas ainda sim é melhor que bouffalant. Gostaria de ter enfrentado decks como Blastoise e TDK, que em minha concepção são os decks mais fortes e “hype” (mais comentados) do formato. Infelizmente não consegui fazer todos os testes que planejei, mas em compensação fiquei feliz com o bom desempenho nos torneios semanais e levei alguns boosters pra casa, inclusive saiu um Thundurus FA nas premiações! Em breve voltarei a fazer mais testes com Darkrai, principalmente introduzindo as cartas da Freeze.

 

rock-guard-500x500Estou ansioso para testar a Ace Spec Rock Guard neste deck. Com o uso de Tool Scrapper reduzido, o junk hunt do sableye podendo voltar a Ace Spec do descarte e o tipo lutador jogando ainda menos, agora que Kyurem Plasma come Landorus EX com farofa, Darkrai dificilmente morrerá em um hit, então o Rock Guard pode jogar bem, pois acho que ricochetear 60 de dano no Pokémon defensor é algo grandioso e pode desequilibrar uma partida.

Obrigado e até a semana que vem!

9 pensamentos sobre “Diário de Bordo – A caminho do Worlds 13

  1. VEI!!!!!!!!!! SOU SEU FÃ. VC VAI GANHAR O WORLDS NA BOA, TE ACHO UM GRANDE JOGADOR, VOU TESTAR ROCK GUARD NO MEU DECK DARKRAI/ABSOL TBM PRA VER SE FICA LEGAL =DD

    • Muito obrigado Lucas! Fico feliz pra caramba com os elogios! Testa o Rock Guard sim, é importante sempre testar coisas diferentes, uma carta bem colocada no seu deck pode fazer uma diferença absurda e te destacar perante os outros jogadores! Pokémon também é criatividade!

  2. cara gostei mt muito legal a ideia te desejo boua sorte no mundial espero que ganhe!!!!! a sua deck list vai me ajudar mt no meu deck de darkrai/absol!!!

    • Obrigado Miguel! Espero de coração que meu post te ajude no seu deck de Darkrai/Absol, sucesso!

    • O energy search combina muito bem com o Darkrai. Ela tem as seguintes funções:

      – Pode ser pega na Skyla.
      – Pode ser voltada com o Junk Hunt do Sableye.
      – Filtra o deck.
      – Pode ser “falhada”, para garantir cartas a menos na mão para uma Bicycle melhor.

      ABraço!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s