Como montar seu deck de Blastoise!

Fala pessoal! Meu nome é Sid Guimarães e venho recebido muitas solicitações por inbox sobre decks de Blastoise, com isso, reuni algumas dúvidas frequentes que aparecem e também, algumas dicas que sempre passo para os jogadores novatos. Blastoise é um deck divertidíssimo, porém precisa de muito cuidado ao montá-lo, pois a consistência tem que vir sempre em primeiro lugar! Então vamos começar!

3-1-3, 4-0-3, 4-1-3 ou 4-0-4 Blastoise?

Squirtles: Não descer uma Squirtle no primeiro turno é o pior dos pesadelos para um jogador de Blastoise, significa que mesmo com tudo perfeito, seu jogo só vai acontecer +1 turno do que deveria acontecer normalmente e em um formato tão rápido como esse, perder um turno, principalmente em um deck de stage 2, é algo complicado. Alguns jogadores vem optando pelo o uso de 3 Squirtles para abrir mais espaços no deck, já que o catcher perdeu força no metagame, mas é claro, nessas listas costumam ter uma line de balls diferente por causa dessa Squirtle a menos.

Wartortles: Jogar ou não Wartortle? A resposta vem do seu metagame e da sua line de balls. Há presença de Gothitelle (e agora Trevenant) constantes no seu meta? Wartortle é uma incrível tech. Usa mais de 1 Level Ball? Wartortle consegue acelerar mais o jogo permitindo o acesso mais rápido a um segundo Blastoise.

Blastoises: Aqui é a filosofia é próxima a das Squirtles, porém, você quer vê-los um turno depois! 4 Blastoise virou um padrão no formato antes das regras novas, mas com o banco mais seguro, onde na maioria dos jogos (excluindo VG) você só precisa montar 1 Blastoise para seguir com ele até o final do jogo, a opção de ter 3 no deck é bem aproveitada por jogadores onde se encontram em um meta sem muitos Genesects.

2 ou 3 Keldeo-EX? 2 ou 3 Black Kyurem-EX?

Perceba que um deck de Blastoise não tem um padrão… Tudo envolve o estudo profundo do seu metagame. Com muitos Virizions, você vai sentir a necessidade de aumentar o número de Black Kyurem-EX (Black Ballista) e diminuir os Keldeo-EX (diminuindo também, a chance de abrir os jogos com ele). Há também a opção de 3 Keldeo-EX e 3 Black Kyurem-EX, pois com o surgimento do deck Yeti (Snorlax/Lugia EX/Thundurus EX/Deoxys EX), Blastoise se sentiu obrigado a ter 3 Keldeo-EX novamente, pois é ele que se livrará facilmente dos grandes Snorlax.

Zero, 1 ou 2 Baby Black Kyurem? Electrode? Exeggcute? Jirachi-EX?

Assim chegamos as techs! Vamos dar uma analisada mais profunda em cada uma delas:
Baby Black Kyurem: Com a diminuição do Pokémon Catcher (e irei repetir mais vezes durante todo o artigo haha), decks como Rayboar ganharam mais força nas partidas contra Blastoise e a mirror match se transformou em algo envolvendo muita estratégia na troca de prizes… É nesse aspecto que Black Kyurem entra em campo, ele vai buscar 2 prêmios (Rayquaza-EX ou Black Kyurem-EX) e também elimina Rayquaza Basic dando apenas 1 prêmio na volta. É por isso que em metagames lotados de Blastoise e Rayboar, não vai ser incomum ver algum deck usando dois basic (2 Rayquaza ou 2 Black Kyurem).

Electrode: Depois de alguns meses, o mundo todo percebeu! Electrode é o melhor amigo de Blastoise! Uma carta considerada uma tech mais voltada para a falta de Tropical Beach, virou uma marca registrada dos decks que conseguem chegar ao top! O porque? Sua incrível força no late game, o terror dos decks de setup! Sabe aquele N para 1 que travava o jogo e te fazia tomar uma virada? Com Electrode, não mais! É claro, que em decks com acesso a Tropical Beach, ele entrará na forma de 1-1 line.

Exeggcute: Uma tech que começou sendo bastante usada, mas que depois foi perdendo espaço para Electrode nos Blastoise, porém ainda tem muito valor e merece ser citada! Como o deck descarta muita carta (Superior Energy Retrieval, Ultra Ball, Dowsing Machine…), exeggcute ajuda a segurar muitas cartas importantes que acabariam sendo descartadas durante todo o jogo.

Jirachi-EX: Uma tech que também perdeu muito espaço devido a Electrode. Com acesso a Level Ball, Blastoise viu que Jirachi serviria de grande adição a consistência pro deck. Porém, 2 fatores fazem com que muitos jogadores pensem bem antes de usá-lo: 01. A chance de começar o jogo com Jirachi, 02. Lugia-EX pegando 3 prêmios de forma fácil/Dusknoir pegando 2 prêmios de forma fácil… O banco passa a ser um lugar seguro, porém um EX com 90HP sempre será uma grande isca para o término do jogo, principalmente no late game.

Tendo falado de todos os pokémons, vamos fazer algumas considerações importantes para o deck poder rodar:

Line de Balls: Aqui é onde a sua escolha de Squirtle/Wartortle/Blastoise começam a fazer sentido… Se você usa 3 Squirtle, 1 Wartortle e 1-1 Electrode, você pode preferir usar 2 Level Ball, 0 Heavy Ball e 3 Ultra Ball… Porém, com 4 Squirtle, 0 Wartortle e 3 Blastoise, 1 Level Ball, 1 Heavy Balle 3 Ultra Ball parecem ser mais condizentes…

Tool Scrapper: Essa carta é um dilema para os iniciantes, alguns chegam a usar 4 com extremo medo dos Garbodor e outros apenas não utilizam por esquecimento… Pois bem, TS, principalmente após o Catcher Flip, virou staple em todos os decks, pois Garbodor ficou ainda mais forte… Ou seja, é indicado que o jogador use ao menos 2 Tool Scrapper + 1 Dowsing Machine para conseguir se livrar bem… Em um metagame lotado de Garbodor, também há a opção de usar 3 Tool Scrapper, porém terá que secar ainda mais o deck.

Dowsing Machine ou Computer Search: Aqui o que manda é seu objetivo… Quer focar no early game? Computer Search! Quer focar no late game? Dowsing Machine. Muitos jogadores optam pela DM devido a mesma lógica do Electrode, a falta de um late game consistente devido a falta de recursos. A opção de ter +1 Scrapper, +1 Retrieval, +1 Rare Candy é algo sensacional, assim como ter qualquer carta que precisa (seja Rare Candy ou Blastoise) com uma Computer Search na mão!

Energy Retrieval com SER no deck: Com cada vez menos espaços no deck, Blastoise se viu tendo que excluir cartas importantes como ER, focando apenas em SER, porém muitos jogadores ainda utilizam 4 SER e 1 ER. Energy Retrieval se torna muito forte como uma recuperação sem descarte, combando muito bem com Dowsing Machine também.

“Usar ou não Catcher?”: Essa dúvida separa muitos jogadores… Vamos resumir o argumento daqueles que são a favor e os que são contra. Os que consideram Catcher uma carta fundamental para Blastoise atualmente, se baseiam na troca de prizes (é muito fácil quebrar Blastoise na troca de prêmios com as novas regras) e também na possibilidade de puxar 1 Garbodor para frente, porém, Catcher, por ter moeda, traz uma inconsistência ainda maior pro deck que já não é conhecido por uma consistência semelhante aos decks com grandes Pokémons básicos.

Tropical Beach vs. falta de dinheiro: Se você não tem dinheiro para comprar uma das principais (se não, a principal) carta do deck, tenha em mente 3 coisas:

01. Encha seus decks de Supporter para ter uma consistência absurda, seu deck não vai poder parar nunca. Shauna traz essa possibilidade ainda mais evidente, pois não teremos mais um supporter de Shuffle… Indico 11-12 supporters de Draw (não contando com Skyla, é claro).

02. 2-2 Electrode passa a ser fundamental! Sem o apoio do draw de Beach, você precisa sempre montar Electrode em campo e 1-1 não é mais uma opção! Para não correr riscos, aumente a line para 2-2.

03. Use Pokemon Center ou até Skyarrow Bridge. O formato depende muito da Stadium War, quem consegue jogar com o seu estádio em evidência possui vantagens absurdas… Você não vai querer tomar 30 de poison ou tomar 20 cada vez que energizar um Pokémon seu!

Pois bem pessoal, é isso! Tentei expor aqui o compilado das dicas que venho passando pro pessoal que tem dúvidas sobre e quer se aventurar no deck, que na minha humilde opinião, é o deck mais legal do formato! =D

Estudem bem os metagames e façam suas listas baseadas na lista e espero que as dicas possam ajudar em algo… Não quero postar listas para não fechar a criatividade de vocês! Obviamente não consegui abranger o deck de forma completa, por isso se tiver alguma dúvida ou quiser trocar uma ideia? Só falar por inbox no facebook.

Abraços,
Sid Guimarães.

2 pensamentos sobre “Como montar seu deck de Blastoise!

  1. mto bom o artigo
    e queria saber se tem a possibilidade de fazer um parecido voltado a deck de virizion/genesect🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s